Importância das Cores na nossa Vida
Cromoterapia, excelente remédio para a saúde.

Toda a vida sobre a terra depende do sol e da luz. Sem luz não
haveria vida. Todos os ciclos vitais, tais como o sono e a atividade dependem do ciclo da luz. Toda a bioquímica do corpo depende da luz, já que está provado que todas as nossas células são luminosas e reagem à luz. As cores, que são as filhas da luz, têm uma influência fundamental sobre a nossa energia vital e o nosso bem estar e, sem dúvida, elas podem também curar.

As vibrações da luz são de extrema importância à nível mental e físico. Elas são responsáveis para o nosso bem estar físico e para o nosso equilíbrio mental.

No momento em que a vibração de uma ou mais cores vai de encontro às células corporais acontece uma ressonância, que é de suma importância, e é por intermédio deste eco que podemos influenciar positivamente a nossa saúde. Toda vibração colorida que é projetado em nosso corpo acarreta reações muito profundas.

O nosso campo de energia, ou aura, é como um manto que se modifica constantemente conforme os nossos pensamentos e emoções e/ou o nosso estado físico. Quando estamos com saúde, felizes e contentes, o nosso campo energético apresenta cores suaves bonitas e luminosas.
Quando temos emoções negativas como raiva, medo e depressões, as cores da aura mudam para tonalidades escuras e opacas. A fotografia Kirlian, que fotografa a energia que nos envolve, demonstra isto muito claramente.

Em resumo: as cores são de vital importância na nossa vida. Qualquer forma de vida depende da existência da luz e da energia das cores. A luz e as cores são transmissores de informações energéticas. Depende de nós restabelecer um organismo ou mente em desequilíbrio, através das vibrações das cores.. Isto pode ser feito pela aplicação das cores, pela visualização das cores, pela meditação com cores e também pelos alimentos que ingerimos.

Um cientista alemão, Lichtenstein, provou que o nosso sistema
digestivo reage também às cores. A experiência feita foi a seguinte: Ele, Lichtenstein, se alimentou durante uma semana somente com produtos brancos, como farinha branca, clara de ovos, queijo branco, etc. Ao fim desta semana apareceram cólicas e catarro intestinal que, após três dias com alimentação multicolorida desapareceu. Isto mostra que a carência de cores leva a uma lenta insuficiência das funções normais do nosso organismo e por isso é de grande importância que também a nossa alimentação seja a mais colorida possível para proporcionar saúde e bem-estar.

Na alimentação, a cor é de suma importância. Quanto mais colorido é o prato de comida à nossa frente, mais o nosso organismo agradece. Se sempre ingeríssemos alimentos de uma só cor, ficaríamos doentes, como já foi provado. O nosso organismo precisa de cores para estar em harmonia e equilibrado. Ele absorve junto com os nutrientes também as cores dos mesmos, como o vermelho do tomate, o laranja das
cenouras e das laranjas, o amarelo da gema de ovo e das frutas amarelas, o verde das saladas e verduras e o azul ao violeta das jabuticabas, ameixas roxas, berinjelas, etc. Portanto, a nossa alimentação deve conter sempre o máximo de cores variadas. Uma boa dica é comer diariamente uma salada multicolorida e frutas de várias cores. A cor laranja, por exemplo, abre o apetite e, consequentemente, se servirmos a uma criança difícil de comer a comida num prato da cor laranja, ela com certeza aceitará melhor a comida.

Também a água energizada com cores age sobre o nosso organismo. Se colocarmos, por exemplo, uma garrafa ou vidro azul com água pura de fonte no sol por 12 horas, esta água, tomada em pequenas doses, pode abaixar a pressão sangüínea, acalmar dores e acalmar o estado de espírito em geral, já que o azul é uma cor fria e calmante.

No vestuário a cor também influi muitíssimo, tanto a nível físico
como psíquico. Pessoas que acordam de manhã mal humoradas,
instintivamente procuram vestir uma cor escura como cinza, preto, marrom, etc. Está ao nosso alcance inverter este humor negro colocando um vestido, blusa ou camisa de uma cor quente, alegre, nem que seja um lenço vermelho, laranja ou amarelo. A disposição para enfrentar o dia logo melhorará. Aliás, ao olhar durante 5 minutos ao acordar para algum objeto laranja, de preferência uma luz laranja, estimulamos o nosso intelectual para o resto do dia. Pessoas que trabalham muito à frente do computador ou em regiões com linhas de transmissão, estações de rádio e de televisão, deveriam proteger a sua tiróide dos raios maléficos emitidos pelos mesmos, usando sempre um lenço azul-turquesa no pescoço. Dependendo das circunstâncias, podemos neutralizar medos ou aumentar o nosso poder de dissuasão, usando uma roupa com a cor adequada para tal. Por exemplo: se temos de enfrentar um público desconhecido para uma palestra ou similar e se estamos algo inseguros, uma peça de roupa azul-turquesa ajudará a
superar esta insegurança. Uma peça de roupa nos tons vermelho ou alaranjado nos deixará mais agressivos e convincentes numa reunião de negócios, por exemplo. As mães que tem uma criança muito irrequieta e nervosa, jamais deveriam por roupa vermelha nesta criança. O ideal nestes casos são roupas de todos os tons de azul e violeta. Uma pessoa facilmente irritável ou até colérica deve abolir definitivamente peças de roupa vermelha.

A cor do ambiente em que vivemos ou trabalhamos influi sobremaneira o nosso estado psíquico e o nosso bem-estar. Em casa, móveis, objetos e plantas nas tonalidades verde, azul-claro e violeta-claro acalmam, ao passo que o vermelho é desaconselhável, deixando as pessoas irritadas. O amarelo e o laranja nos deixam mais dispostos e estimulam inclusive o nosso intelecto. Crianças sem vontade e concentração para estudar deveriam fazer o seu dever de casa por baixo de uma lâmpada amarela ou laranja. Já as crianças nervosas e irrequietas deveriam estudar sob uma iluminação azul e ter uma lâmpada azul no dormitório para adormecer mais fácil. O ideal é
decorar a nossa casa com cores suaves, desde o laranja claro,
amarelo, todos os tons de verde e azul-claro até o violeta-claro.


Plantas e flores dentro de casa são muito importantes para o nosso bem-estar. No nosso ambiente de trabalho muitas vezes é difícil podermos optar por cores, já que a decoração não foi de nossa escolha e o ambiente na maioria das vezes é bastante sóbrio, prevalecendo o preto e o marrom. Mas sempre poderemos fazer algo à respeito, solicitando por ocasião de uma pintura das paredes, que sejam pintados de azul claro, verde claro ou amarelo suave e podemos sempre levar e por à nossa frente uma plantinha que tenha flores ou um ramo de flores para alegrar e harmonizar um pouco mais o ambiente.

Atualmente médicos, principalmente psicólogos e psiquiatras, estão batalhando para que os quartos e corredores dos hospitais sejam pintados de cores que agem positivamente no restabelecimento dos doentes, em vez do branco comumente usado. Paredes pintadas de verde nos hospitais diminuem comprovadamente o tempo de restabelecimento (30%), de acordo com experiência feita na Europa. Em clínicas de
repouso e instituições para doentes mentais as paredes e até as janelas deveriam ser pintadas de azul-claro, já que esta cor acalma a mente trazendo tranqüilidade.

É interessante mencionar o fato que atualmente os boxeadores treinam em ambientes totalmente vermelhos, para estimular sua agressividade e vontade de vencer. Outro exemplo são as toureadas onde o toureador usa um pano vermelho para deixar o touro mais agressivo. Em estábulos, cujos paredes foram pintadas de verde, as vacas dão mais leite. Numa experiência feita com um formigueiro dentro de um vidro, foi observado que, quando este formigueiro era irradiado com luz vermelha, era um caos, as formigas correndo de um lado para outro
sem rumo. Quando depois foi irradiado com luz azul, a paz voltou a reinar. Plantas irradiadas com luz vermelha ou laranja ficam mais viçosas e suas frutas mais saborosas. Ao passo que, se irradiarmos uma planta com luz azul, ela morrerá.

Em resumo - luz e cores em nossa vida são tão importantes como o ar que respiramos e é importante termos consciência deste fato no nosso cotidiano. Não existe nada melhor do que observar o nascer do sol de manhã ou o por do sol à tarde, com toda a sua gama de cores quentes e vitalizantes. A luz, as cores, as flores e as plantas em geral são dádivas que a Mãe Natureza nos oferece gratuitamente, dando-nos todas as dicas, querendo nos ajudar. Compete a nos ficarmos atentos
e viver de acordo com o que ela nos oferece e, acima de tudo,
respeitá-la e amá-la.

Elisabeth Eva Monogios

  2003 - Nova Era